A CURA

 

Parte 3

A EXPRESSÃO no rosto de Serah era confusa, um misto de raiva e conflito, ter as suas memórias de volta de uma hora pra outra a fizeram ficar paralisada, pensativa e por mais que ela tentasse colocar todas as ideias na cabeça, era impossível descrever tamanha indignação. Hoje, Serah era um anjo, que não se lembrava de nada de seu passado até aquele momento, e agora ela teria que compartilhar duas vidas em um mesmo corpo.

– Tobias, ele era meu namorado? Alana era minha melhor amiga? – as memórias voltavam na velocidade de uma bala atravessando a cabeça do anjo. – Mas por que eles fizeram isso comigo? Por que eles me traíram?

As asas de Serah se abriram novamente e com toda força o anjo socou o chão, fazendo com que um barulho espantasse os pássaros do local. Ódio, um sentimento tão humano percorria o corpo de Serah, que não imaginaria sentir algo assim novamente.

– Eu vou acabar com eles, vou destruir a vida dela, ou melhor, vou deixar que ela morra lentamente, assim o sofrimento dele vai durar mais. – ver um anjo desejando tudo isso, era algo incomum, mas dentro dela não havia nada além de raiva. – Reik! – gritou o anjo. – Se eu irei morrer que venha me matar logo, essa missão acabou, eu não tenho mais nada para fazer aqui.

Suas asas se recolheram em formato de grandes tatuagens nas costas e como se tivesse perdido suas forças, Serah caiu e aos prantos ficou ali, por mais algumas horas, como se fosse uma estátua no meio daquela floresta.

 

*****

 

Tobias tentava fazer alguma coisa para reanimar Alana, que não se movia mais, seus batimentos estavam bem baixos, ela estava partindo, o fazendo ficar desesperado.

– Senhor, porque não me escuta? Manda teu anjo me ajudar, faz um milagre na vida dela, por favor, eu te imploro. – em meio a palavras, lágrimas continuavam a cair no rosto do rapaz.

Distraído, Tobias olhou para porta, e a imagem de Serah voltou até a sua cabeça, e então, como um milagre, ele a viu novamente, mas dessa vez não como uma inimiga que veio tentar tirar a vida de sua amada, mas sim, um anjo que veio salvá-la.

– Eu não acredito que eu fiz isso, era ela, Serah, o anjo que eu pedi para Deus, ela estava aqui pra me ajudar, e eu a rejeitei. Me perdoa Serah, por favor. – Tobias se levantou, segurou a mão de sua amada. – Eu já volto meu amor, aguente mais um pouco, eu vou voltar com ajuda.

O rapaz correu para o lado de fora e olhou pra todos os lados, tentando procurar Serah, mesmo sem nenhum vestígio da presença do anjo, ele precisava encontrá-la, ainda existia dentro dele um sinal de esperança.

– Serah! – gritava o rapaz. – Me perdoa, eu sei que errei, mas eu preciso da sua ajuda. Serah! – aquele grito ecoou por todos os lados, e à medida que o vento soprava, o som da voz de Tobias se espalhava por toda floresta, como um grande eco, até chegar onde precisava.

Serah, que continuava na mesma posição, abriu seus olhos e asas quando escutou voz de Tobias, dessa vez não era a humana que aguçava esses sentimentos, e sim o anjo.

– Tobias! – Serah voou com suas longas asas brancas, até encontrar o rapaz que a esperava na frente da casa.

Assim que pousou ao lado do rapaz, os dois se encararam por alguns segundos, que, para Serah, pareciam uma longa eternidade. Aquele ódio, aquela raiva estavam sendo mortos dentro do corpo do anjo, e a vontade de fazer o bem se sobressaiu.

– Vamos, precisamos ajudá-la. – Serah fechou suas asas e correu para o quarto de Alana, mas percebeu que a moça estava mais debilitada do que imaginava. – Eu não consigo curar a doença dela Tobias, mas posso tentar recuperar seus batimentos, você precisa levar a Alana para algum hospital próximo.

– Se você é mesmo um anjo, você pode curar ela. Deus faz milagres na vida das pessoas, e ele te mandou para fazer esse milagre, você precisa salvá-la Serah.

– Mas eu não sou Deus. – gritou Serah. – Sou apenas um anjo que, nem ao menos sabe qual é a minha verdadeira missão aqui.

– Você pode curar a Alana, eu sei disso. – Tobias continuava insistindo.

A tatuagem de Serah começou a brilhar, pareciam luzes de Neon. Ela tentava aplicar uma das técnicas de cura que aprendeu nos seus treinamentos:

– Réqui! – disse o anjo em voz baixa.

O corpo de Alana se movimentou, ela estava se manifestando a habilidade do anjo, e logo seus batimentos voltaram ao normal.

– Essa técnica de cura a fará ficar viva por mais tempo, mas não consegue destruir o tumor. Esse tumor foi causado por algo que Alana guarda dentro dela, algum tipo de culpa, e se ela não se livrar dessa culpa, eu não poderei ajudá-la. Tenho mais algumas horas aqui, até que meu tempo se encerre, por isso não conseguirei ficar curando ela. – explicou Serah.

– Você não entende, não é? – perguntou Tobias.

– Do que você está falando?

– Por que você resolveu voltar para ajudar Alana? Você não se lembra de nada?

– Eu me lembro de tudo, de como morri em um acidente vindo atrás de você. – Serah pareceu bem firme na sua resposta.

– Então por que você voltou para ajudar? Não sente raiva de mim e dela?

– Sim e muito, mas isso foi antes, eu não podia deixar que essa raiva me consumisse, eu fiz uma escolha, Tobias, e essa escolha foi ajudar as pessoas, eu não poderia lidar com esses dois sentimentos ao mesmo tempo.

– Então você agora entende, não é? – perguntou Tobias, deixando Serah confusa. – Você entende de onde veio esse tumor. Alana nunca se perdoou pelo que fez com você, mesmo eu tentando explicar que a culpa era minha, por permitir que aquele falso amor que vivíamos, continuasse, ela nunca conseguiu ficar tranquila, pois, sabia que o sofrimento causado às nossas famílias e principalmente a sua, pela sua morte, era parte causado pelo nosso amor.

– Tobias, isso já não tem mais importância agora. – disse o anjo.

– É claro que tem importância. Será que você ainda não consegue enxergar que a cura é você?

Tudo começava a fazer sentido depois das duras palavras de Tobias. Era claro agora, qual era a missão de Serah, tudo o que aconteceu estava programado pra acontecer, ela tinha feito tudo da forma que precisava fazer, aquele anjo trazendo todas as lembranças agora tudo estava claro na cabeça de Serah, a missão dela era curar Alana, mas não havia nenhuma habilidade ou remédio para que isso fosse possível, ela era a cura.

– Serah, me perdoa. – segurando a mão do anjo com sua fraca voz, Alana fez o pedido que poderia mudar tudo.

Ligada aos sentimentos humanos e ao desejo de salvar sua antiga amiga e concluir sua missão, Serah olhou para a garota e disse:

– Eu te perdoo. – Alana sorriu e novamente dormiu. – Te perdoo também Tobias e me desculpe por ser tão cega e nunca ter enxergado a verdade.

O anjo se levantou e caminhou até a porta, Tobias a seguiu:

– Os batimentos dela voltaram ao normal, em algumas horas ela vai acordar, o tumor desapareceu, creio que conseguimos o milagre que você pediu a Deus. – explicou o anjo caminhando.

– Serah! – Tobias chamou a atenção da moça. – Obrigado por ser nosso milagre.

Serah sorriu e voou em direção à floresta, ela estava sentindo uma sensação estranha, mas era algo bom, como se finalmente tivesse concluído sua missão, mas agora o anjo precisava encarar seu castigo, e como prometeu voltou ao local que encontrou os anjos e ali ficou aguardando.

– Bem vinda. – Serah foi surpreendida pelo grande arcanjo Reik.

– Reik. Estou pronta para receber meu castigo, eu descumpri a principal regra de todas, me mostrei para aqueles humanos.

– Como você está se sentindo Serah?

– Feliz e ao mesmo tempo aliviada.

– Essa felicidade tem haver com você ter completado a sua missão.

– Não, eu estou feliz porque eu finalmente tirei um peso das minhas costas, que até então eu não sabia que existia, me sinto mais leve. – disse o anjo sorrindo.

– Quando você morreu havia muita raiva no seu coração, a mesma raiva que você sentiu quando Tobias te empurrou, mesmo escolhendo ser um anjo e se esquecendo da sua vida humana, o seu interior ainda precisava ser limpo, e só você poderia fazer isso. – Reik explicava, enquanto Serah prestava atenção em cada detalhe. – Assim como todos os outros anjos que guardam mágoas, sua primeira missão foi curar isso, mas você mesmo deveria descobrir como fazê-la, e no momento que você ouviu a voz de Tobias te chamando, o desejo de ajudar se sobressaiu dos demais, e saiba que esse é o maior desejo do Céu, o desejo de fazer o bem, o desejo de ajudar o próximo, ele tem um nome simples, um nome que apenas os humanos de bom coração conhecem, ele se chama amor.

– Mas eu desrespeitei uma ordem, mereço ser punida.

– Sim você realmente desrespeitou uma ordem, mas não será punida, pois, você concluiu sua missão inicial com êxito, e apenas duas pessoas te viram, e já pedi para que outros anjos os fizessem se esquecer de tudo. Alana e Tobias agora terão você na memória somente até o acidente, mas dentro do coração da moça, não existe mais o sentimento de culpa, pois você a curou.

– E agora o que vai acontecer comigo?

– Agora eu tenho uma pergunta para te fazer. – Reik colocou um de seus dedos na testa de Serah. – Você deseja manter essa memória do que aconteceu aqui viva, ou deseja apagá-la pra sempre?

– Eu desejo apagá-la para sempre, agora eles terão a vida deles e eu terei a minha, ajudando outras pessoas que precisarem.

– Que assim seja feita a sua vontade. – Reik apenas pressionou a cabeça do anjo, e parecia que Serah havia se esquecido de tudo. – Parabéns por completar sua missão anjo, e bem vinda a minha equipe principal de anjos.

– Muito obrigada.

– Continue seguindo os desejos do Chronos e esteja preparada, pois, em alguns anos terrestres precisarei de você para uma missão muito importante.

– Posso saber qual é essa missão?

– Ainda não. Só posso te dizer que tem a haver com proteger uma garota e com o futuro da raça humana na terra.

 

FIM

Stop censorship